Rota da Calçada Portuguesa

Xana (Lisbon, 1959)

Alexandre Barata de nome próprio é artista plástico e foi um dos fundadores do grupo "Homeostéticos". A diversidade da sua obra abrange tanto a pintura como a escultura, a cenografia ou performance e instalação, entre outras, num registo de forte impacto cromático e visual, que privilegia a tridimensionalidade e a contaminação entre as artes, e onde sobressai o carácter lúdico e humorístico. Desde 1984 a viver em Lagos, aí dirige a programação do Centro Cultural local. No âmbito da Expo 98, para o Cais Português, criou um pavimento misto onde, entre a calçada de cubos de granito, se dão a descobrir figuras abstratas, concebidas a partir das plantas e alçados do Pavilhão do Conhecimento, que parecem reinventar, em calçada portuguesa, os jogos de pavimento do imaginário infanto-juvenil.