Rota do Saramago

Em 1998, foi agraciado com o Prémio Nobel de Literatura.Nobel da Literatura.

Palácio Nacional de Mafra

Monumentos

Olhe para o teto e fixe a figura central da pintura que o preenche, obra da autoria de Cirilo Volkmar Machado. Se atravessar a sala a todo o comprimento descobrirá que essa figura, que representa o filho de Hélio, deus do Sol, também o segue com o olhar e roda o corpo para continuar a segui-lo. Até Blimunda, mulher do povo do livro “Memorial do Convento”, cujos olhos tudo viam, se baralharia com isto. Faça a experiência e pasme-se.

Palácio Nacional de Mafra

Monumentos

Através de amplas janelas voltadas para a basílica, era desta sala que a realeza assistia à missa. Do outro lado existe uma varanda, virada para o exterior, que está assente na pedra a que José Saramago dedicou um capítulo inteiro de “Memorial do Convento” – só para realçar o trabalho colossal dos homens que ergueram este imenso monumento.

Palácio Nacional de Mafra

Monumentos

Nesta sala em forma de cruz, com 84 metros de comprimento, estão alojados, em estantes estilo rococó, 30 mil volumes. O mais antigo é de 1472 e o mais recente data de 1820. Entre eles figura uma coleção que constou do índex da Inquisição, que compreende livros de alquimia, magia negra e ocultismo, entre outras matérias obscuras que decerto excitariam a curiosidade de Bartolomeu de Gusmão, referido na obra “Memorial do Convento”. O seu catálogo é um manuscrito que levou dez anos a ser concluído. Ainda hoje recebe leitores.

Tapada Nacional de Mafra

Ponto de Interesse

Criada em 1747 por D. João V, na sequência da construção do Convento de Mafra, esta reserva de caça estende-se por 1.200 hectares, rodeada por um muro com 21 km de extensão. Atualmente pode percorrê-la de comboio ou carro elétrico, fazer tiro ao arco, workshops de falcoaria, caçar, fazer percursos a pé ou de BTT, passar a noite e, quem sabe, sonhar com passarolas voadoras.