Galerias Subterrâneas do Aqueduto das Águas Livres

A Galeria do Loreto, construída em 1746, é atualmente visitável entre a Casa do Registo na Rua das Amoreiras e o Miradouro de São Pedro de Alcântara, num percurso de 1,6 km.

A água transportada pelo Aqueduto das Águas Livres, ao chegar a Lisboa, era conduzida através de uma rede emissária constituída por cinco galerias, maioritariamente subterrâneas, com cerca de 12 Km de extensão, cuja função era assegurar o fornecimento de água a chafarizes e alguns estabelecimentos públicos: Campo Santana, Necessidades, Loreto, Esperança e Rato. Destaca-se a Galeria do Loreto, construída em 1746, cujo percurso é atualmente visitável entre a Casa do Registo na Rua das Amoreiras, o reservatório da Patriarcal, a Rua do Século e o Miradouro de São Pedro de Alcântara.

TripAdvisor Logo
Pontuação dos viajantes no TripAdvisorBaseado em 274 avaliações
Você é um representante de Galerias Subterrâneas do Aqueduto das Águas Livres?
Informamos que quaisquer comentários, opiniões e declarações apresentadas, em anexo são totalmente independentes e não representam pontos de vista mantidos por, ou estão de alguma forma relacionados com visitlisboa.com